Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2012

Uns perdem, outros ganham, outros nem saem de casa..

  Quando pequena, tinha sérios problemas em competir. Ficava preocupada com as amigas que perdiam e também não gostava muito do sentimento da “derrota”. Isso é normal, sem dúvida! Ver jogo de futebol era uma droga! Morria de pena do goleiro e do time derrotado, RS! Quem já viu isso?! Depois acabei me acostumando, mas prefiro nem assistir a jogos de futebol, RS!    Em Corrida de Aventura, era habitual que um dos integrantes das equipes que ficassem bem na fita fazia um release cheio de “gabulice”. Mas, só quando tinha vitórias. Se esse mesmo time não tivesse um bom desempenho, ninguém escrevia nada. Ficava todo mundo curioso para saber como tinha sido a prova, mas ninguém escrevia nada. Sem vitórias, sem releases!    Sempre fui meio abestalhada mesmo! Escrevia release toda vez que voltava de uma aventura, independente do resultado. Não dá para escrever quantas vezes chegamos em último lugar.. RS! Foram muitas! Então deixaria de escrever releases, se dependesse do resultado...    Ôpa!

CICA- Campeonato do Interior de Corridas de Aventura

   Cangaço! Adorei o nome! Uma prova em dupla e curta era tudo o que eu precisava para começar o ano esportivo. Vamos Fred?! Os dois sem treinar. Aliás, treinando pouco! Ele na natação e eu correndo e nadando.    Antes da inscrição, só para garantir a paz no mato, um juramento. Nada de dizer desaforos ou qualquer stress. Corrida light, mesmo que sejamos os últimos. Pensei num termo de compromisso, mas seria muito exagero, rs! Ele prometeu um controle emocional supremo! Disse que estava querendo relaxar, recomeçar, que seu objetivo era apenas diversão. Parecia de uma competitividade racional, rs! Eu acreditei! ... E assim começa a estória da minha primeira prova depois da tão falada lesão do tornozelo. E a primeira prova de Fred depois do Ecomotion.    Como a minha irmã mora em Feira de Santana, levei junto filharada e cachorro. E Fred acabou fazendo toda a programação familiar embutida na viagem, sem direito de reclamar. Essa parte seria colocada no contrato em letras miúdas, rs!